VARIAÇÕES

VARIAÇÕES

quinta-feira, 28 de abril de 2011

O "TIC-TAC" DO MEU CORAÇÃO


O tic-tac do meu coração
Marca o compasso do meu grande amor
Na alegria bate muito forte
E na tristeza bate fraco
Porque sente dor

O tic-tic
O tic-tac do meu coração
Marca o compasso de um atroz viver
É o relógio de uma existência
E pouco a pouco vai morrendo
De tanto sofrer
Meu coração já bate diferente
Dando o sinal do fim da mocidade
O seu pulsar é o soluçar constante
De quem muito amou na vida com sinceridade
Às vezes eu penso que o tic-tac
É um aviso do meu coração
Que já cansado de tanto sofrer
Não quer que eu tenha nesta vida uma desilusão

Alcyr Pires e Walfrido Silva