VARIAÇÕES

VARIAÇÕES

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

SINCERAMENTE - Sérgio Sampaio


Não há nada mais bonito do que ser independente
E poder se conquistar, sair, chegar, assim tão simplesmente. . .

Não há nada mais tranquilo do que ser o que se sente
E poder amar, perder, chorar, depois ganhar assim tão livremente

Não há nada mais sozinho do que ser inteligente
e poder cantarolar, errar, desafinar, assim sinceramente
sinceramente.