VARIAÇÕES

VARIAÇÕES

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

FLOR DE CACTO

"Flor de cacto, flor que arrancou
À secura do chão.
Era aí o deserto, a pedra dura,
A sede e a solidão.
Sobre a palma de espinhos, triunfante,
Flor, ou coração?"

José Saramago